quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Um cabo de aço


3 comentários:

  1. Não me canso de ver esta coletânea de registos gráficos(percorro sempre de trás para a frente e vice-versa).São pormenores cativantes e culminam com informação da funcionalidade de cada objecto.É um processo de aprender a desenhar apenas o necessário, porque eu gostaria de poder ser assim...

    ResponderEliminar
  2. Zeta... muito obrigado! Gostei muito das tuas palavras, muito positivas e motivadoras. Obrigado :-)

    ResponderEliminar
  3. Gosto! Principalmente dos pormenores metálicos. Muito bem feito. Qual é a caneta? 0,2? 0,5?

    ResponderEliminar